Próximos passos por 30 dias

Dia 22: Tentações

Por que continuo tendo esses pensamentos?


O Senhor sabe como livrar os piedosos da tentação.

2 Pedro 2:9

Uma força destrutiva e persistente age na vida de cada cristão. Provações estão continuamente tentando nos levar à nossa vida anterior, com todos os maus hábitos que tínhamos. Seu objetivo é dificultar nossa intimidade com o Senhor. A tentação em si não é fatal mas ceder a ela pode ter consequências profundas e duradouras. A melhor coisa a ser feita é contra atacar, ou seja, perceber rapidamente e ter uma atitude corretiva.

Cristãos não estão livres de pensamentos e comportamentos maus. Na verdade, por serem tão valiosos ao Senhor, são alvos ainda maiores. Nosso adversário é astuto e nos tenta de todas as maneiras. O Apóstolo João pediu que nos guardássemos cuidadosamente em três áreas: "... a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens" (Leia 1 João 2:16).

  • A cobiça da carne, pode envolver auto-indulgência, foco obsessivo pelo corpo ou pensamentos sexuais impuros.
  • A cobiça dos olhos se refere ao que desejamos erradamente. Cuidado com o que seus olhos veem!
  • O orgulho é demonstrado através da auto piedade, ambição egoísta e satisfação própria.

Não lute sozinho contra a tentação. Na próxima vez em que você for tentado, peça ajuda ao Senhor, pois "Ele é capaz de socorrer aqueles que também estão sendo tentados" (Hebreus 2:18). Você ficará mais forte após cada vitória. Deus é fiel e vai lhe providenciar uma saída (Leia 1 Coríntios 10:13).

Próximo


Evitar a tentação significa dizer Não. Pequenas escolhas definem o resultado final. Para o que você precisa dizer não? Prestar contas a alguém pode lhe ajudar a fazer escolhas certas.

Converse com alguém sobre isso.